26.3 C
Manaus
27 de novembro de 2022 | 12:02

Cansado de apanhar nas redes sociais, Wilson Lima faz mudanças em seu gabinete e na Secretaria de Comunicação

Após ser massacrado nas redes sociais por causa da falta de peixes na Semana Santa, quando virou piada em grupos de whatsapp e no Facebook, o governador Wilson Lima fez mudanças em seu gabinete e na Secretaria de Comunicação (Secom).

De acordo com funcionários do Palácio do Governo com quem nossa reportagem conversou, o governador ficou furioso com a falha na distribuição de peixes na zona leste de Manaus.

Outro motivo da fúria do governador foi a falta de ação da Secom para conter a crise e evitar que Wilson Lima virasse piada. “Era pra ser um golaço do governador, no entanto foi um fiasco. Ele ficou p…!”, disse um jornalista da Secom, que pediu para não ter o nome divulgado.

Mudança no primeiro escalão

Entre as mudanças implementadas por Wilson está a troca da chefia de gabinete do governador. O cargo é de estrema confiança e representa um dos mais altos níveis na hierarquia do Estado. A mudança representa o descontentamento de Wilson com seus subordinados mais próximos.

A chefia de gabinete era comandada pela jornalista Lúcia Carla Gama Rodrigues, que segundo os funcionários do Palácio do Governo, já enfrentava desgaste por causa de reclamações de prefeitos do interior e de deputados estaduais.

Para o lugar de Lúcia Carla foi chamado o servidor Luiz Cláudio da Silveira Gomes, conhecido como Cacá. Segundo os servidores, Cacá atuou nos bastidores por vários meses, até que finalmente conseguiu derrubar Lúcia Carla.

Reunião às pressas e aviso de mudanças

Wilson Lima fez questão de anunciar pessoalmente a mudança. Para isso, convocou às pressas uma reunião com a maioria dos secretários de Estado. Para surpresa de todos, o governador disse que prepara outras mudanças em seu governo.

Com a substituição de Lúcia Carla Gama, que foi deslocada para a coordenação da Unidade de Gestão Integrada (UGI) – que trabalha com as questões políticas com as lideranças comunitárias -, encerra-se um ciclo de influência da jornalista na estrutura da Secom.

As pessoas indicadas por ela também foram remanejadas. A começar pela Secretaria Executiva de Imprensa, que era chefiada pelo jornalista Arthur César Cunha dos Santos Junior, que foi para a assessoria de comunicação da Procuradoria-Geral do Estado (PGE-AM).

O desejo de Wilson Lima é reformular a metodologia da Comunicação oficial do Governo e evitar mais desgastes desnecessários, como aconteceu no episódio da distribuição de peixes na Semana Santa.

Ainda no Gabinete do Governador, mais um nome passou a integrar a equipe de assessores pessoais de Wilson Lima. Trata-se do jornalista Márcio Noronha. Com a chegada dele no gabinete, mais mudanças devem ocorrer nos próximos dias.

Leia também outras matérias

Incêndio atinge lojas no Centro de Manaus

Redação Zero Hora AM

Em abordagem, PMs do Amazonas supostamente rasgam CNH de entregador em Manaus

Redação Zero Hora AM

“Por que o Governo não investiu na geração de emprego, se o Estado gastou R$ 5 bilhões acima do orçamento previsto para 2022?”, questiona Dermilson Chagas

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: