28.3 C
Manaus
27 de fevereiro de 2024 | 16:45

Amazonense trans é morta a facadas em SP

Verônica Martinelly, trans amazonense, foi encontrada morta com  golges de faca pelo corpo, na madrugada da última sexta-feira (25), no interior de São Paulo (SP).

De acordo com familiares da trans, o suspeito do homicídio seria o companheiro da vítima, identificado como Kelvin Barkleu Muniz dos Santos, que está foragido na capital paulista.

Verônica, que já desfilou em escolas de samba de Manaus, foi eleita Primeira Princesa de Carnaval de SP 2022 pela escola de samba X-P Paulistana, e se mudou para a região junto com o companheiro.

Segundo relato de familiares, a vítima chegou em casa de amigos por volta de meia-noite, junto com Kelvin. Na ocasião, eles teriam questionado a presença do individuo, pois inicialmente, estavam esperando apenas Verônica.

Kelvin Muniz está foragido na capital 

Ajuda para translado

Além de justiça, a família de Verônica faz apelo e pedem ajuda para trazer o corpo da vítima para Manaus.

Leia também outras matérias

Eleitores abraçam Amazonino Mendes no 7 de Setembro

Redação Zero Hora AM

Tragédia: Casa pega fogo e irmãos morrem carbonizados em Manaus

Redação Zero Hora AM

Presidente Lula é chamado de ‘jumento’ e desabafa: “animal simpático”

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Pular para o conteúdo