29.3 C
Manaus
4 de dezembro de 2022 | 11:08

Evento de filiação de Wilson Lima foi um fiasco e recheado de infrações eleitorais

O evento de filiação do governador Wilson Lima ao União Brasil, ocorrido neste sábado, dia 26-mar, foi um fiasco e recheado de crimes eleitorais, com do uso de aeronaves pagas pelos cofres públicos para transportar prefeitos aliados à Manaus para a festa, que teve direito a um showmício, na quadra da Escola de Samba Aparecida, zona Sul de Manaus.

Lima prometeu filiar 50 prefeitos, mas esse número não passou de 30, e nem todos se comprometeram ingressas no União.

Gestores municipais dos maiores colégios eleitorais, como Parintins, Manacapuru e Itacoatiara, não compareceram ao evento, uma demonstração que o governador perdeu as principais forças políticas do interior, que não aceitam o seu governo.

Servidores públicos do Estado foram obrigados pelos seus chefes a comparecerem no evento. Eles receberam blusas personalizadas com o número do novo partido do governador.

Dois banneres com fotos de Wilson Lima foram montados no palco, e os funcionários segurando bandeiras. Eles tiveram que assinar a ficha de filiação ao União Brasil, mesmo não querendo.

Os prefeitos aliados e novos gestores municipais que ingressaram na sigla, também obrigaram seus assessores a participarem do evento.

A todo momento o apresentador da festa, o cantor Prince do Boi, anunciava a chegada de comitivas de municípios, como por exemplo, de Presidente Figueiredo, o qual a prefeita Patrícia Lopes ingressou no partido do governador.

O apresentador foi orientado pela organização a exaltar a imagem do governador, inclusive as principais ações que Wilson Lima adotou, em período eleitoral, para tentar melhorar a sua imagem com a população.

Lembrava do passe livre para a Educação, Prato Cheio e a conclusão da AM-070 (Manaus-Manacapuru).

As infrações cometidas no evento passaram despercebidas pela Justiça Eleitoral, que não dispõe plantão durante o fim de semana.

Mas as diversas lives realizadas por blogs e portais registraram todos os flagrantes crimes eleitorais cometidos pelo governador Wilson Lima no evento, e devem ser apuradas com rigor para proteger o erário público.

Veja vídeo:

Leia também outras matérias

Bolsonaro é o responsável pelo aumento nos combustíveis e pela inflação no País, avalia dep. Serafim

Redação Zero Hora AM

Seduc pretende gastar mais de R$ 100 milhões com livros paradidático, denuncia dep. Wilker Barreto

Redação Zero Hora AM

Policia divulga vídeo do agente de portaria acusado de matar servidora do TRT

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: