26.3 C
Manaus
4 de dezembro de 2022 | 05:08

Lei Federal proíbe que animais saudáveis sejam sacrificados em canis públicos, como acontece em Manaus

Foi publicada hoje a lei que proíbe os centros de zoonoses e canis públicos a fazerem eutanásia de cães e gatos saudáveis. A intenção é estimular a adoção dos animais. A Lei foi sancionada ontem (quarta-feira – 20) e publicada hoje (21-out) no Diário Oficial da União, e passará a valer em 120 dias.

O texto da Lei 14.228/21 determina que apenas animais com doença grave ou “enfermidades infectocontagiosas incuráveis que coloquem em risco a saúde humana e a de outros animais”, poderão ser mortos. Para isso, será necessário antes a apresentação de laudo técnico e exames laboratoriais comprovando a condição.

Ainda segundo o texto, animais com doenças graves, não infectocontagiosas, poderão ser disponibilizados para resgate de entidades de proteção animal.

Os grupos de proteção também terão acesso aos documentos que comprovam a necessidade de eutanásia nos animais. O texto que deu origem ao projeto foi aprovado pelo Senado em 2019, e em setembro deste ano foi aprovado na Câmara dos Deputados.

Leia também outras matérias

Proposta: Pará pode ser desmembrado e dar origem ao Estado do Tapajós

Redação Zero Hora AM

Atenção candidatos: TSE divulga datas e novas regras para eleição 2022

Redação Zero Hora AM

URGENTE: balsa cheia de mercadorias da ZFM afunda em porto de Manaus

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: