32.3 C
Manaus
22 de maio de 2024 | 16:12

Preso acusado de estupro tem coração arrancado, órgão genital cortado e colocado na boca

Um detento de 30 anos da Penitenciária Estadual de Cruzeiro do Oeste (Peco), no Paraná, foi encontrado por agentes penitenciários morto dentro da cela na última quarta-feira (18) com o coração arrancado e com o pênis cortado e colocado em sua boca.

O preso havia sido condenado a 5 anos de prisão por estupro contra a enteada de apenas cinco anos em Goioerê, no mesmo estado.

De acordo com a Polícia Civil, de Cruzeiro do Oeste, o crime foi praticado por três colegas de cela. Um deles é apontado como responsável por executar o detento e os outros dois por ajudarem a segurá-lo.

Conforme o delegado Isaías Cordeiro de Lima, um deles golpeou o preso com a escova de dentes no pescoço, o que causou sangramento.

Ele percebeu que possivelmente teria matado a vítima e deitou o homem em uma cama. Depois, ainda de acordo com a PM, começou a fazer incisões usando uma lâmina de barbear. O objeto foi usado retirar o coração(colocado em um recipiente plástico) e o pênis (colocado na boca da vítima).

Ainda conforme a polícia, o corpo foi deixado no local e os companheiros de cela limparam o lugar, para dificultar coleta de informações que pudessem levar à identificação do autor.

Os acusados foram encaminhados para a delegacia para serem interrogados. O delegado disse que também serão ouvidas as pessoas que estiveram antes na cela.

Leia também outras matérias

Ômicron vai se tornar variante predominante no Amazonas, diz FVS

Redação Zero Hora AM

Vocalista dos Titãs tira tumor e manda recado aos fãs

Redação Zero Hora AM

Governo do AM não está investindo recursos no hospital João Lúcio, denuncia dep. Dermilson Chagas

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Pular para o conteúdo