25.3 C
Manaus
26 de fevereiro de 2024 | 07:19

Ômicron vai se tornar variante predominante no Amazonas, diz FVS

A Fundação de Vigilância em Saúde está em alerta com a Ômicron e acredita que é uma questão de tempo para que a nova cepa seja a responsável pela maioria de casos da covid no Amazonas.

Segundo a diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, a variante é de alta transmissibilidade e ressalta que cada infectado pode transmitir o vírus para outras 206 pessoas.

Tatyana  explica que, por se tratar de uma variante de preocupação em termos de transmissão, a tendência é que nas próximas semanas a Ômicron seja a variação do vírus predominante no estado.

“Todos nós sabemos que agora em janeiro tivemos a introdução da variante Ômicron, que essa variante Ômicron é o principal motivo do avanço na aceleração de casos”, pontua a representante da FVS.

Por enquanto não há registro de pessoas internadas com a nova variante, mas o número de infectados vêm crescendo assustadoramente nos últimos dias:

“Nenhum caso foi internado, mas ainda precisamos saber o quanto temos aqui, e agora”, afirma.

Por conta disso, a FVS enviou cerca de 600 amostras de material positivo para covid, para ser analisada na Fiocruz, por meio do sequenciamento genômico.

Após os resultados, será possível dizer se o “boom” de casos que o Amazonas, sobretudo Manaus, tem enfrentado com quase 3 mil novos infectados por dia está ocorrendo por conta da disseminação da variante.

 

Leia também outras matérias

Primeiro dia de vestibular da UEA tem quase 7 mil faltosos

Redação Zero Hora AM

ECP do TCE-AM recebe inscrições para Programa de Residência Jurídica e Contábil até segunda-feira (15)

Redação Zero Hora AM

Comitê de Enfrentamento da Covid-19 adia retorno das aulas na rede pública e cancela desfile das escolas de samba

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Pular para o conteúdo