28.3 C
Manaus
15 de abril de 2024 | 02:01

Projeto que combate exploração sexual de crianças e adolescentes é aprovado com apoio de Delegado Pablo

O combate à exploração e ao abuso sexual de crianças e adolescentes será ampliado em todo Brasil a partir de 2022, quando será implantado o mês “Maio Laranja”. A ideia é mobilizar a sociedade, órgãos públicos, empresas privadas, escolas e faculdades para prevenir e combater o abuso sexual de crianças e jovens.

A criação do “Maio Laranja” foi defendida pelo deputado federal do Amazonas, Delegado Pablo (PSL), que é o relator do projeto em tramitação no Congresso Nacional.

Após intensos debates, Pablo conseguiu aprovar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Federal o projeto que cria o mês “Maio Laranja”. Como o texto tramitou em caráter conclusivo, poderá seguir para a análise do Senado.

Pablo explica que nos meses de maio de cada ano, deverão ser promovidas campanhas, ações e atividades para conscientização, prevenção e enfrentamento ao abuso e exploração sexual.

O deputado ressalta que os órgãos que protegem a população infantil registraram aumento do número de violência entre os anos de 2020 e 2021. “O disque denúncia (180) recebeu milhares de ligações vindas de todo País. As principais queixas envolvem exploração sexual, abandono e maus tratos contra crianças”, ressalta Pablo.

No Amazonas, somente nos cinco primeiros meses de 2021, foram recebidas 1,6 mil denúncias de abuso contra esse público, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública.

“Temos que unir esforços para combater este crime que deixa sequelas físicas e emocionais para toda a vida. Nossas crianças e adolescentes merecem proteção e respeito”, completou Pablo.

 

Leia também outras matérias

No Instagram, Delegado Pablo posta vídeo de Lula defendendo uso de drogas entre jovens

Redação Zero Hora AM

ALE-AM concede Medalha Ruy Araújo ao advogado Francisco Marques

Redação Zero Hora AM

Governador em exercício, Roberto Cidade visita Sine-AM e destaca ampliação de vagas de emprego em 2024

Redação Zero Hora AM
Carregando....
Pular para o conteúdo